JSN Ferado - шаблон joomla Форекс
A NUTRIÇAO COMEÇA NA MENTE, NÃO NO ESTÔMAGO

O nosso organismo está em constante estado de mudanças, isso significa que necessitamos de suprimentos nutricionais constantes para propiciar essas modificações.

            Somos o que comemos, quimicamente é lógico. Ao vermos uma pessoa com massa muscular bem desenvolvida e pouca gordura corporal, podemos imaginar como essa pessoa se alimenta, mesmo que tenha um ótimo metabolismo certamente não se farta de bolos, doces e frituras. Agora visualize uma pessoa realmente gorda e flácida e imagine o estilo de vida que leva e como se alimenta... Nem precisamos entrar em detalhes, não é?

Somos formados pelo que ingerimos nos últimos meses e não serão semanas que provocarão modificações excepcionais, precisamos de meses para nos “reconstruirmos”. É lógico que a técnica bem aplicada colaborará com a agilização do processo.

 

Naturalmente sabemos o que devemos comer e em que quantidade.

Mantenha-se sempre em estado anabólico. Se você mantiver intervalos muito grandes entre as refeições, poderá cair em catabolismo por deficiência de nutrientes. Deve-se fazer uma refeição a cada período de 2h30 a 3 horas.

Faça refeições balanceadas, contendo quantidades apropriadas de carboidratos, proteínas e gorduras. Procure não adotar dietas emergenciais nas quais se exclui um dos macronutrientes; elas podem funcionar por um determinado período, mas se forem feitas por prazos muito prolongados podem acarretar severos danos à saúde física e mental.

Opte primeiramente por alimentos frescos.

Escolha os suplementos alimentares corretamente. Suplementos não fazem milagres, mas podem tornar sua vida mais fácil e adicionar alguns “octanos” a seu combustível.

Consuma proteínas consistentemente. Além de inúmeras outras funções, são responsáveis por construir e manter a massa muscular. Inclua-as em todas as refeições para evitar o catabolismo. As melhores fontes são as animais: ovos, leite e carnes.

Administre a quantidade correta de carboidratos. Essa quantidade depende de seu metabolismo e peso corporal. Se seu nível de energia está se mantendo alto e sua gordura corporal estável, você provavelmente está consumindo a quantidade correta de carboidratos. Se sua energia está caindo e você perde peso, provavelmente não consome o suficiente. Porém, se sua energia está alta e você engorda, provavelmente a quantidade de carboidrato ingerida é muito elevada. Observe as reações do seu organismo atentamente.

Ingira a quantidade correta de gordura. Ela tem importantes funções fisiológicas e também é uma importante reserva de energia para ser utilizada lentamente. Ninguém pode sobreviver sem ela. Em torno de 10 a 15% das calorias diárias devem ser provenientes das gorduras. Normalmente já consumimos esses níveis com a gordura que consumimos em carnes e cereais.

Consuma bastante água durante o dia para hidratar, eliminar as toxinas e auxiliar na manutenção do volume muscular. A água é o melhor diurético.

Alimente-se antes do treino para fornecer energia para o seu no treino.

Faça uma refeição logo após o treino.  Depois de treinar você precisa repor o que foi depredado a fim de recuperar e prepara-lo melhor para o próximo treino.

Tome um cálice de vinho tinto seco antes de dormir Veja não é um garrafão, apena um cálice quem sabe dois. O álcool contido no vinho aumenta o nível da lipoproteína de alta densidade, ou gordura desejável (HDL) também denominada de bom colesterol.

Procure desenvolver uma conexão saudável entre sua mente e seu estômago. Não se envolva por propostas de dietas, muitas vezes, absurdas, que prometem milagres: mesmo que uma determinada dieta tenha funcionado para alguém, não significa que funcionará para todo mundo.

Mantenha simplicidade. Qualquer dieta para ganho ou perda de peso deve ser a mais simples possível, para que possa se tornar um hábito. Se você tiver que se concentrar muito em sua dieta, tenderá em breve perder o interesse. Não se torture com dietas complicadas, tabelas, pesagem de alimentos na balança e outros tecnicismos. Ninguém pode forçar o próprio corpo a assimilar mais do que o seu potencial.

A nutrição não é apenas o que vai no seu estômago, mas o que está em sua mente.

 

 Fonte: Waldemar Guimarães. Musculação: além do anabolismo

Últimos Artigos

Os melhores exercícios e treino para abdômen

Os melhores exercícios e treino para abdômen

Existem inúmeros exercícios e treinos  ...

Receita de pizza de frango saudável com 50g de proteína

Receita de pizza de frango saudável com 50g de proteína

            Pizza é um dos pratos mais ...

Novidades

Assine Up Fitness

Faça parte da Nossa Lista de Email
Inscreva-se em nossa lista de newsletter semanal. Basta inserir o seu email abaixo.
Email *
Nome *
Sobrenome *
 
* Campo Obrigatório

 

Topo
Academia Up Fitness © - 2015 - (42) 3127 2000  | |  Site Desenvolvido por Stúdio AP